casinha_foto_fundo.png

Doe esperança para famílias LGBTs

Com uma única doação, você consegue ajudar dezenas de famílias e abrigos LGBTs durante a pandemia.
Seja um doador Casinha Acolhida! 

Com menos de 1 real por dia, você ajuda a Casinha Acolhida a levar alimento para a mesa de famílias e abrigos LGBTs.

BANDEIRA_GAY.png
 
A CASINHA
A Casinha é uma ONG carioca que atua, desde 2017, oferecendo apoio à população LGBTI+, em particular os expostos à situações de vulnerabilidade e violações de direitos - oferecendo atendimento emergencial-pontual ou contínuo, além de encaminhamento para uma ampla gama de profissionais da rede socioassistencial e outras organizações parceiras. Temos projetos e ações específicas nas vertentes de: Serviço Social, Empregabilidade, Educação, Cultura e Saúde. Hoje contamos com um time de mais de 70 voluntários. Nossa missão é promover direitos sociais e auxiliar a população LGBTI+ à alcançar emancipação e autonomia por meio de projetos educacionais e culturais, apoio jurídico e psicossocial, promoção de saúde física/mental e geração de renda.
Forma 1.png
+ de 700
pessoas em situação de vulnerabilidade acolhidas.
Forma 2.png
+ de 900
cestas básicas doadas durante a pandemia.
Objeto Inteligente de Vetor.png
+ de 40
pessoas em acompanhamento de saúde mental.
sombra.png
mão.png
Com menos de 1 real por dia, você garante alimentação e assistências básicas a LGBTS em vulnerabilidade social.
 
 
Ajude a Casinha Acolhida a continuar salvando e transformando a vida de centenas de pessoas.
4 motivos para você ser um doador
01.png
Você ajuda a  salvar dezenas de vidas lgbts em situação de vulnerabilidade social.
02.png
Irá colaborar para uma sociedade mais justa e igualitária.
Ajudará  a casinha a continuar oferecendo assistência básica.
Proporcionará mais esperança e felicidade para muitas vidas.
Quem faz a casinha
DSC00306.png
Natália Pasetti (Fundadora)
 
Ativista pelos direitos LGBTQIA+ e Fundadora da ONG Casinha, hoje atua como Diretora Institucional da organização. É pós-graduanda em Gestão de Pessoas pela PUC e Cientista Política formada pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), com especialização em Direitos Humanos pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). É Representante da Rede Latino-Americana de Proteção à LGBTI+ refugiados, requerentes de asilo e migrantes, promovida pelo ACNUR. Também é Pesquisadora do Programa de Diversidade da FGV Direito Rio. Paralelamente, é palestrante e consultora de Diversidade & Inclusão.
Camada 3.png
Douglas Lacerda (Diretor)
 
Historiador pela UERJ, Educador e Produtor Cultural. Atualmente é Head da Diretoria de Programas na Casinha, onde  desenvolve projetos ligados a assistência social, cultura, educação, saúde e empregabilidade. Possui formação em Políticas Públicas, pela Casa Fluminense, no Rio de Janeiro. Como produtor, desenvolveu projetos ligados a cultura, como Mostras Culturais LGBT, eventos, palestras em instituições educacionais e corporativas a fim de mobilizar para as temáticas de gênero e sexualidade, no intuito de  construir uma rede sensibilizada a causa das pessoas LGBTI+.
+ de 60
voluntários
envolvidos
Nossos principais projetos
Não deixe o nosso trabalho parar, ajude a manter os projetos sociais da Casinha Acolhida
Acolhimento

Projeto realizado e administrado pelo GT de Serviço Social acompanha o desenvolvimento biopsicossocial das pessoas que chegam até a Casinha através do Formulário de Acolhimento. É essa frente que faz os encaminhamentos  de acordo com as necessidades de cada acolhide, fornecendo orientação social e encaminhando os acolhides aos recursos da comunidade, integrando e utilizando-se da rede de serviços sócio-assistenciais. Focando, continuamente, nas necessidades individuais e coletivas, apresentadas pelos acolhides, na perspectiva do atendimento social e da garantia de seus direitos. Integrar o atendimento social às famílias de usuáries da instituição, com projetos específicos e formulados a partir de diagnósticos preliminares.


Principal ação: O programa de distribuição de cestas básicas, iniciado em maio de 2020, distribui cerca de 90 cestas básicas por mês, garantindo alimentação para dezenas de famílias LGBTI+ na cidade do Rio de Janeiro e Baixada Fluminense.

Recrutamento e Seleção com foco em Diversidade

Projeto realizado e administrado pelo GT de Empregabilidade, tem a missão de promover a emancipação e autonomia de pessoas LGBTI+ em situação de vulnerabilidade social. Acreditamos que a geração de renda é um dos pontos mais importantes para que esse objetivo seja atingido. A ANTRA estima que 90% da população transgênera e travesti está na prostituição compulsória por falta de oportunidades e por puro preconceito estrutural. Assim, buscamos empresas que estejam realmente abertas para a inclusão de LGBTI+ no seu quadro de funcionários. Nessa modalidade de parceria, disponibilizamos acesso ao nosso banco de talentos LGBTI+, com serviço de curadoria dos currículos, acompanhamos o processo seletivo junto da equipe de recursos humanos, auxiliando não só a empresa nessa empreitada, mas também os acolhides que estão concorrendo a uma vaga. Além disso, também oferecemos palestras educativas de conscientização para os funcionários.


Principal ação: Desde 2019 já fechamos esse tipo de parceria com diversas empresas, como a E.life, que topou adaptar seu o processo seletivo para contratação de funcionáries trans contratadas para a área de atendimento em mídias sociais da Coca-Cola Brasil. Além do Descomplica entre outras empresas.

Clínica Social 

Projeto administrado pelo GT de Saúde da Casinha, oferece atendimento psicológico de qualidade às pessoas LGBT+ que encontram-se em situação de vulnerabilidade social que não conseguem ser atendidas no serviço público e/ou privado. Os atendimentos são realizados por profissionais voluntários que recebem uma formação elaborada pelo GT de Saúde da Casinha. Essa formação permite que esses profissionais tenham conhecimento sobre o perfil de nossos acolhides, além de abrir espaço para debates sobre os atravessamentos causados tanto pela vivência LGBT+ quanto pelas demais vivências que perpassem a realidade de quem busca os serviços da Casinha. Além de promover encaminhamentos para outros serviços de saúde, propor parcerias público privadas a fim de desenvolver uma rede de acolhimento sensível aos temas que envolvem a saúde da população LGBTI+.

 

Principal ação: Atualmente a Casinha mantém uma rede com mais de 10 psicólogos em atendimento gratuito e em breve iremos abrir mais vagas. 

Entre outros!
 
A sua doação salva vidas!
Ajude a Casinha a manter os seus projetos vivos. Seja um doador.
Quem já ajudou a casinha
parceiros.png